Bacon – Vida e obra de um mito – História, Receitas e Dicas

On 12 de novembro de 2015 by Comida Gourmet

Hoje ele é o vilão, mas mesmo assim todos amam Bacon. Mas de onde veio essa delícia?

O termo “bacon” vem de dialetos alemães e franceses e era geralmente usado para definir carnes de porco. Na Alemanha medieval, existia a palavra bak, que significava um tipo de corte de carne, e não o porco especificamente. Os franceses adotaram essa palavra e provavelmente ela chegou na Inglaterra por intermédio desses, já que a nobreza inglesa desse período era oriunda da França desde a conquista desse pais por Guilherme, o Conquistador, em 1066.

Foi só no século XVII que o bacon começou a ser sinônimo das costas do porco (bacon vem de back, costas em inglês). Essa receita é reclamada como inglesa pela Oxford Company to Food. O método inglês de produção do bacon é o mesmo que usamos até hoje. Tamanha é a tradição deste produto que, nos EUA, 70% do bacon produzido é consumido no café da manhã.

Voltando para a Europa, o bacon é geralmente usado como ingrediente em outros pratos, em cubos menores. Na Itália, por exemplo, ele é chamado de pancetta, e é servido junto com a entrada.

Aqui no Brasil o bacon ainda é conhecido como toucinho (apesar de bacon ser mais legal né?),e também é indispensável em nossa culinária, principalmente na famosa feijoada.
Uma curiosidade: você sabia que os mulçumanos e os judeus também comem bacon? O tipo de corte e a preparação da carne é o mesmo que conhecemos, só que com outros tipos de carne, seguindo as regras alimentares de suas respectivas religiões.

e-book leads

Trackbacks & Pings

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com